Metáforas vividas: Letra e voz nas narrativas orais urbanas da Restinga

FICHA DESCRITIVA DO DOCUMENTO 

AUTOR: Cristina Mielczarsk  Santos TIPO: Trabalho de conclusão de graduação

DATA DE PUBLICAÇÃO: 2009

INSTITUIÇÃO OU PROJETO RESPONSÁVEL:  UFRGS

DESCRIÇÃO BREVE / RESUMO DO DOCUMENTO:

Este trabalho refere-se à análise de metáforas, provérbios e outras expressões nas narrativas orais urbanas dos narradores da Restinga, zona periférica de Porto Alegre. A perspectiva principal é demonstrar a natureza criativa dos narradores. Essa natureza é inerente a todo indivíduo, embora nem todos a desenvolvam plena ou parcialmente. Uma das características dessa habilidade pode ser observada no modo como o sujeito apodera-se dos significados pré-existentes no mundo e os ressignifica. No contexto deste trabalho de conclusão, essa singularidade corporifica-se por intermédio das metáforas, da recriação das formas proverbiais e do modo como expressões cristalizadas denotam situações conflitivas. Os narradores por intermédio dessas construções demonstram o poder criativo, a sua sabedoria de dizer as coisas. Assim como os xamãs, aedos e griots, necessitam da memória como instrumento de perpetuação de seu passado e da palavra como ferramenta de transmissão de suas memórias.

CONTATO: lume@ufrgs.br

PALAVRAS CHAVE: História oral, Metáfora.

ARQUIVO DE ACESSO  GRATUITO;                                                     

(x) SIM   ( ) NÃO

FONTE:http://hdl.handle.net/10183/21503                                

AUTORIZAÇÃO DE IMAGENS E DE USO;

(x)Acesso Gratuito/ Internet    ( ) Doc. Impresso  ( ) Doc. Online

CESSÃO DE DIREITOS DE USO;

(x) Acesso Gratuito/ internet ( ) Doc. Impresso ( ) Doc. Online

REGISTRO DE DOAÇÃO DE ENTREVISTA;

(x) Acesso Gratuito/ internet  ( ) Doc. Impresso ( ) Doc. Online

DATA DE AQUISIÇÃO PELO OBSERVATÓRIO: 24/09/2019

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *